12 de out de 2010

A Arte de Correr na Chuva

Quando Denny resolve adotar um cão para lhe servir de companhia, percebe imediatamente que o destino lhe enviou um amigo especial. O amigo de Denny - Enzo - estará com ele nos melhores e piores momentos de sua vida, pois sabe que seu dono é um vencedor. Enzo é um cão, um cão com uma alma marcada pelo tempo. Denny é um piloto de grande talento, que encontra nas pistas de corrida sua verdadeira vocação. Mas a vida pode apresentar curvas acentuadas e dificuldades a serem superadas no percurso. Um livro que tem muito a nos ensinar sobre amor, tragédia, redenção. Do jeito que só um cão poderia narrar.

Não, você não está tendo uma sensação de Deja Vú estranha. Lembra mesmo Marley e Eu.
Mas só lendo para perceber o quão diferente é.

Enzo é o personagem principal da história. Um terrier que narra sua vida e a de seu dono Denny Swift, um piloto de corridas. Prepare o lenço porque é muito emocionante. 
Denny, casado com Eve, tem uma filha Zoë e é um bem sucedido piloto.
Uma reviravolta (sim, as coisas ficarão extremamente tristes) em sua vida que mostra uma história de amor e luta. Denny e Enzo são pinóquios da vida atual!!!!

Enzo é mais que um cão, ele quer ser um humano em sua próxima vida e se esforça para auxiliar seu dono nos reveses que surgem. Uma morte, uma separação, um acidente, um julgamento... não conto mais nada!

Garth Stein é o cara! Enzo é um personagem complexo que se doa totalmente aqueles que ama. 

E o final é surpreendente...
Vale mesmo a pena ler, mas estejam de bem com a vida porque ler o sofrimento dos outros pode ser deprimente.

Tô apaixonada pelo Enzo. Quem sabe eu conheço ele na próxima vida... eh eh eh

2 comentários:

Vivi disse...

Medéia, li sua resenha no blog do Chá, acrescento que impossível não notar a relação afetiva que a história despertou em você. È maravilhoso como isso acontece.

Beijocas

Kézia Lôbo disse...

So o titulo leva a gnt a querer ler a obra.
Parece ser muito legal!!!