24 de mai de 2010

O Vampiro não está tão a fim de você


Lançamento da Editora Record, através do Selo Galera Record, o livro “O Vampiro não está tão a fim de você”, de Vlad Mezrich é engraçado e satiriza as diversas obras e filmes vampíricos que estão na moda.
É um livro curtinho (176 páginas), mas recheado com muito bom humor e piadas desde o título do livro e do nome do autor, até a sua última página.
“Você está apaixonada por um vampiro? Não para de pensar se você é o tipo (sanguíneo) dele? Fica se perguntando se aquele olhar frio e significa que ele não está interessado… ou se é só porque ele está morto há três séculos (não é nada pessoal)? Já tentou arrastá-lo para fora da cripta mostrando seu pescocinho ou então se meter em uma situação quase fatal para que ele pudesse salvá-la no último instante? Nunca pensou em como seria difícil apresentá-lo à sua mãe? Mesmo que a pele de um vampiro seja de uma transparência incrível, interpretá-lo não é nada fácil. Pode ser que ele esteja escondendo seus sentimentos para resistir a necessidade de mordê-la até que você possa amá-lo. Ou, então, bem… Ele pode não estar tão a fim de você.”

Vlad é um especialista em psicologia vampírica e ensina nesta “obra-prima” de sua área o que uma garota precisa saber para conquistar, namorar e principalmente segurar o seu vampiro. De testes sobre o tipo de vampiro certo para você até receitas para conquistar seu vampiro, você terá dicas (in)úteis e importantes para conviver com o mundo vampírico.
Os depoimentos de garotas que namoram ou namoraram vampiros, e os de vampiros que namoram ou namoraram garotas humanas entremeiam as dicas que Vlad dá para as garotas conquistarem seus vampiros.
É piada do início ao fim. Leitura rápida e gostosa, que cita os mais diversos livros e filmes atuais e antigos sobre vampiros (e outros seres sobrenaturais). Aliás, se você quiser conquistar outro ser sobrenatural, lembre-se que zumbis gostam muito de pessoas com cérebros...
Com muito desenhos, gráficos (vide abaixo), perfis de sites de relacionamento, depoimentos, receitas e risadas, se você tem bom humor e está disposto a achar graça deste excesso de informações sobre vampiros, leia! RECOMENDADÍSSIMO.
Tipos de "Homens"

A receita de Bloody Mary versão tradicional e versão vampiresca são um sarro (uma virgem chamada Mary. Drene e sirva). Como descobrir os “fakes” (emos, góticos, gamers) que se fazem passar por vampiros. O que sentem os vampiros (eles sentem?).  O que eles dizem e o que querem dizer com seu palavreado rebuscado. Edward tem vaga garantida nas citações, assim como James e até mesmo os Volturi.
Entre um romance e outro de vampiro, leia “O Vampiro não está tão a fim de você” e lembre-se que a vida não é tão cor-de-rosa, mas que podemos rir muito dela.

Um comentário:

Kézia Lôbo disse...

Adorei o titulo ea resenha tbm...
Fiquei louca para ler!!
XD